Opinião

Paulo Afonso - Bahia - 25/05/2018

“Pare o mundo que eu quero descer”

Por: Luiz Brito DRT/BA 3.913
Foto: Reprodução

Os movimentos contrários a manutenção de Antonio Chaves no cargo de prefeito de Jeremoabo nunca foram tão claros  como agora. Os desmandos administrativos como a lavagem da feira, a farra das diárias, os postos de saúde fechados, ruas esburacadas e a ausencia de parto no hospital Regional que se espalhou nas ruas e nas redes sociais balançaram forte o interino e toda a sua cúpula.  

Dessa vez, ao que tudo indica os eleitores reconhecem que tem um “poder” muito maior do que imaginam. Logo, aquela máxima de quem sente o gosto de sangue na boca acaba se tornando sanguinário está valendo.

De repente ao descobrir que podem mudar o estado de coisas a que estão submetidos há mais de 20 anos, parece que o próximo passo será a derrubada do atual Governo já muito desgastado. Como diria o compositor Silvio Brito, “pare o mundo que eu quero descer”.

 

 


Busca



Enquete

Você já anotou os números dos seis candidatos em quem irá votar nesta eleição?




Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados