Política

Paulo Afonso - 12/05/2010

Vereadores aguardam parecer da CCJ para leitura de requerimento

Da Agência de Notícias de Paulo Afonso (ANPA) Washington Luís

Em reunião interna no gabinete do Presidente, ficou decidido que o recurso apresentado pela bancada de oposição, solicitando a inclusão do requerimento nº 154/2010 na pauta do expediente sujeito a votação, será encaminhado a Comissão de Constituição e Justiça para análise. Se for aceito, o requerimento será lido e votado.

Assinado por todos os Vereadores da bancada de oposição, o requerimento nº 154/2010, que solicita o afastamento do Presidente da Câmara, Antônio Alexandre, nas reuniões em que o assunto discutido seja referente às supostas irregularidades administrativas cometidas em sua gestão, mais uma vez foi impedido de entrar na pauta da sessão ordinária desta terça feira (11).

Dispostos a obstruir a pauta do expediente sujeito à votação, a exemplo do que ocorreu na sessão anterior, minutos antes do início dos trabalhos, os autores do documento foram convidados para uma reunião interna no gabinete do Presidente. Quinze minutos depois, com semblantes de satisfação, os parlamentares retornaram ao plenário, onde iniciaram as já esperadas trocas de "gentilezas", com destaque para o ping-pong verbal entre Daniel Luiz (PSDB) e Antônio Alexandre (DEM). O tucano Daniel questionou contratos da Câmara com empresas prestadoras de serviços, que segundo ele, em alguns casos sequer foram localizadas nos endereços constantes nos contratos. Por sua vez, o Presidente da casa afirmou desconhecer totalmente os documentos lidos por seu desafeto político e disse que o Vereador Daniel precisa se inteirar sobre os assuntos de seus discursos, para não falar inverdades. - "Por esta casa já passaram muitos Vereadores analfabetos, mas o Daniel já bateu o recorde", disse Antônio Alexandre, em entrevista à nossa reportagem.

Para não fugir de sua rotina, Aroldo ferreira (PTB) utilizou seus dez minutos regimentais na tribuna para alfinetar o Governo Municipal, mostrando fotografias do cemitério do BTN, tiradas por sua assessoria, que segundo ele comprovam a falta de respeito da atual gestão para com os mortos. O material entregue à presidência da Câmara mostra alguns túmulos cercados por arbustos, apontados por Pionório - administrador do bairro, em entrevista ao vivo no programa "Falando a Verdade" apresentado por Anderson de Sousa, na Betel FM, como comuns em épocas de chuvas. Pionório concluiu a entrevista, pedindo aos moradores do BTN que colaborem com a administração, informando os problemas detectados para que sejam solucionados no mais curto espaço de tempo possível.

O tumulto da sessão do dia 04 foi o prato principal da noite. Dizendo-se envergonhados com os comentários negativos que surgiram durante a semana, Regivaldo Coriolano (PC do B), Juvenal Teixeira (PDT), Pedro Macário Neto (PP), Osildo Alves (PTN) e Marquinhos do Hospital disseram que tais comentários comprometem a credibilidade da Casa Legislativa. Para Regivaldo Coriolano "No Plenário, as divergências entre oposição e situação são comuns; mas as brigas entre Vereadores em praça pública demonstram falta de respeito com os cidadãos".


Últimas

1 até 20 de 5835   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Para qual partido Jair Bolsonaro deve ir ao deixar o PSL? Vote na enquete!


































Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados