Economia

Paulo Afonso - 15/03/2010

Inflação do peixe dispara em PA

Agência de Notícias de Paulo Afonso (ANPA)
Divulgação

O preço do peixe nesta quaresma está salgado em todo o Brasil, mas em nenhum outro lugar o produto subiu tanto quanto em Paulo Afonso. Se para o restante do país o custo do pescado aumentou, em média, 9,39% desde março do ano passado - o que representa mais que o dobro do centro da meta de inflação determinada pelo Banco Central -, para o pauloafonsino a alta foi recorde: 23,56% no período. Preços tão elevados se justificam pelo aumento da demanda nos 40 dias que antecedem a Páscoa e, no caso do pauloafonsino, também devido ao alto poder aquisitivo dos consumidores, o que possibilita ganhos maiores aos produtores. O consumo de peixes no país se intensifica a partir de fevereiro, atingindo seu pico em março, quando as vendas do produto crescem cerca de15% frente a um mês comum. A alta da compra do pescado é acompanhada também pela elevação de preços. Três tipos de peixes consumidos pelo pauloafonsino apresentaram alta de preços na quaresma. Entre os que subiram, o tucunaré a corvina e a tilápia. No caso de Paulo Afonso nem mesmo a proximidade com o velho Chico não deverá tornar o custo do produto mais acessível.


Últimas

1 até 20 de 1816   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Para qual partido Jair Bolsonaro deve ir ao deixar o PSL? Vote na enquete!


































Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados