Política

Paulo Afonso - Bahia - 16/09/2019

Partido Novo faz seleção de candidatos e cobra taxa de até R$ 4.000

Folhapress
Foto: reprodução/Instagram/João Amoêdo
Para ser candidato a prefeito ou a vereador, os postulantes terão que se submeter a três etapas de
Para ser candidato a prefeito ou a vereador, os postulantes terão que se submeter a três etapas de

Na contramão de partidos que pretendem lançar candidatos no maior número possível de cidades em 2020, o Novo quer mirar em cerca de 60 municípios e escolher seus candidatos a dedo.

Para ser candidato a prefeito ou a vereador, os postulantes terão que se submeter a três etapas de avaliações, testes e entrevistas, além de pagar para participar da seleção –o valor chega a R$ 4.000 nas principais capitais.

As próprias cidades, por meio de seus diretórios municipais já constituídos ou em consolidação, têm que se qualificar para terem o direito de lançar candidatos.

Precisam ter mais de 300 mil habitantes, ao menos 150 filiados ativos e R$ 60 mil arrecadados até outubro deste ano para bancar gastos de campanha, como assistência jurídica e financeira.

“Queremos crescer o mais rápido possível, mas de forma sólida e mantendo a qualidade”, diz o presidente da legenda, João Amoêdo.

Amoêdo defende a seleção como necessária para manter a coesão no partido. “A gente já viu isso, alguns partidos que têm pessoas que acabam se desvirtuando dos princípios e valores. Mas o Novo acredita na instituição, na formação de uma marca, que todos atuem com uma certa coerência”, afirmou.


Últimas

1 até 20 de 5845   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Na sua opinião, qual desses nomes deve ocupar uma das cadeiras na Câmara Municipal de Vereadores em Paulo Afonso, a partir de 2021?















Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados