Regional

Paulo Afonso - Bahia - 22/07/2018

O desafio de fazer Jeremoabo voltar a crescer

Luiz Brito DRT/BA 3.9133
Foto: reprodução

Desde que o prefeito Derí do Trabalho (Progressistas) assumiu os destinos da terra da jurema em flor, em 3 de julho, o debate econômico no município tornou-se uma espécie de samba de uma nota só. Com o orçamento no vermelho e a dívida pública crescendo em ritmo frenético, em decorrência da gastança promovida pelos governos Tista, Pedrinho, Anabel e Chaves, o ajuste economico tem dominado as discussões da equipe economica do novo governo, que terá de fazer a lição de casa de forma exemplar, para tirar o município do atoleiro que estava caminhando. 

O maior desafio de Derí do trabalho daqui para a frente será recolocar o município na trilha do desenvolvimento.

Coincidentemente, o ex-prefeito interino Chaves, agiu justamente como seu correligionário Pedrinho de João Ferreira quando este dirigiu os destinos de Jeremoabo, após a renuncia de Tista de Déda. Apesar do  ex-prefeito Pedrinho de João Ferreira ter sido acusado de incompetência administrativa – algo de que talvez ninguém duvide -, Chaves também incorreu no mesmo erro de Pedrinho: Não conseguiu honrar os compromissos fornecedores e com o funcionalismo público. 

Pouca horas antes de entregar o cargo, Chaves maldosamente reconheceu um débito milionário contraído nos governos do seus antecssores  e no seu, e na tentativa de tirar seu pescoço da guilhotina andou comentando numa emissora de rádio que a prefeitura havia recebido uma quantia significativa nos ultimos dias e que o prefeito só não honra seus compromissos se não quiser. 

O cenário atual mostra que Derí talvez não tenha tempo de colher os resultados do que plantar, alcançando índices robustos de crescimento econômico. É possível também que ele não consiga realizar o seu desejo de ser lembrado como “o prefeito que arrumou Jeremoabo”. Mas, talvez, ele possa, ao menos, ser reconhecido como um prefeito que deixou Jeremoabo melhor do que encontrou. Até porque quando se pensou que o recorde negativo do governo Anabel era difícil de ser batido, eis que Chaves ganhou com vários corpos de frente, colocando o município no caminho do atraso, embora os sucessios governos da terra da jurema em flor, insistissem em dizer que  "Nosso povo era mais feliz ou que  estavam cuidando da nossa gente". Ledo engano


Últimas

1 até 20 de 1470   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Qual é, na sua opinião, a sua expectativa de vida?






Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados