Esporte

Paulo Afonso – Bahia - 28/12/2017

Guto Ferreira promete fidelidade ao Bahia

Tribuna da Bahia, Salvador
Foto: Eduardo Deconto/Glogo Esporte

A torcida do Bahia não aceitou com entusiasmo a volta do técdnico Guto Ferreira para comandar o time tricolor na temporada de 2018. Bastante criticado na rede social, principalmente por ter deixado o clube baiano num momento importante do ano, para assumir o Internacional de Porto Alegre, Guto Ferreira aproveitou as resenhas nas emissoras de rádio de Salvador, para se desculpar com o torcedor e fez questão de prometer fidelidade, honrar o contrato acertado com a diretoria ate o final do próximo ano.

“Entendo a mágoa da torcida do Bahia, e estamos voltando para reconstruir uma história e bu8ma boa relação com o torcedor. Mostrar uma situação melhor, valorizar uma postura de ficar engajado com o clube até o final do nosso compromisso”, disse Guto Ferreira, fazendo questão de frisar que não deixará o Tricolor baiano como fez em maio deste ano para aceitar o convite de comandar o Internacional de Porto Alegre, na 2ª Divisão do Brasileiro.

“Acredito que vamos começar bem, a diretoria manteve a base, a estrutura do time desta temporada, a permanência dos zagueiros, Tiago e Lucas Fonseca, dos meias Zé Rafael e Régis, o atacante Edigar Junio, que nos dá uma base de 50% na montagem da equipe, além da qualificação do grupo com a chegada de reforços”, completou Guto Ferrreira.

Élber

E um destes reforços, de qualidaede, é o meia atacante Élber, de 25 anos, e que assinará contrato de três temporadas.  Bahia e Cruzeiro chegaram a um acordo financeiro. O clube Tricolor vai pagar R$ 500 mil para ter o atleta de maneira definitiva até o fim de 2020. Com um valor relativamente baixo, a contratação de Élber segue os mesmos moldes de outros negócios feitos pelo Esquadrão desde 2016, quando adquiriu jogadores como Jackson, Edigar Junio, Tiago e, principalmente, Zé Rafael.

Élber foi revelado na base cruzeirense e realizou sua estreia profissional em 2011. De lá para cá, fez 136 jogos pelo Cruzeiro e marcou 11 gols. Em 2014, atuou emprestado ao Coritiba e em 2015 jogou pelo Sport - onde disputou 55 partidas e anotou 12 gols. Em 2017, o jogador fez parte do elenco do técnico Mano Menezes, fechando o ano com 39 atuações - sendo 21 pelo Brasileirão. Ao todo, jogou 17 vezes como titular. Marcou um gol.


Últimas

1 até 20 de 300   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Sendo estes os candidatos a deputado estadual em quem você votaria ?





Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados