Opinião

Paulo Afosnso - Bahia - 19/08/2017

Opinião pública não é táxi

Por: Ivone Lima
Divulgação

Desde de que comecei a escrever no meu blog, que tenho sido vítima de pessoas que precisam dos políticos para comer; no caso dos grupos de whatsApp ligados ao Partido Progressista e ao PMDB.

Não estou aqui para atirar pedras em pessoas que escolhem como meio de vida bajular políticos e tapar os olhos para o que eles fazem de errado. Cada um no seu quadrado. Porém, meu caminho está na opinião pública não guiada, na liberdade de expressão.

No domingo passado, publiquei um texto dizendo que lá de Canindé do São Francisco-SE, o ex-prefeito de Paulo Afonso, Paulo Barbosa de Deus (PMDB) mandará os nomes de pessoas vão trabalhar em terceirizadas da Chesf, desempregando algumas dezenas de vigilantes que votaram nele. Gente da direção da empresa me confirmou isto e os desempregados se organizam para pressioná-lo, alguns até choraram quando me contaram que estão de aviso e que não vão voltar.

Ah, não invento. Se tem uma coisa que aprendi é não improvisar com coisa séria.

O grupo do Partido Progressista, contudo, o que dizer? Eu também aprendi na vida a ter misericórdia e não pisar em cavalo morto.

Para encerrar: opinião pública não é táxi - você não diz para onde vai. Precisa caminhar de acordo com os fatos.

 

 

 

 

 


Busca



Enquete

Quem Administraria Melhor o Brasil em 2018?











Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados