Opinião

Paulo Afonso - Bahia - 07/07/2017

Uma escolha equivocada e a lógica política

Por: Luiz Brito DRT 3.913 - luizbritoradialista@gmail.com
Reprodução

Das futuras candidaturas da oposição em Paulo Afonso há uma que pelo seu contexto político está sedimentada. A do engenheiro elétrico e ex-prefeito Paulo de Deus (PMDB). Na última eleição para prefeito foi um dos poucos com uma ação efetiva para que a chapa que disputou a PMPA fosse mais eclética, o que uniria todos os partidos. Não foi ouvido. E o desastre que era previsto acabou acontecendo. Naquele momento pela lógica se Raimundo Caires ficasse de fora ou se propusesse unicamente  a apoiar PD, a Inês estava morta. Mas chorar o leite derramado não vai adiantar. Quando se trata da oposição a lógica passa a galope. Posso me equivocar, mas considero que a oposição perdeu a eleição duas vezes. A primeira quando permitiu que RC mantivesse a candidatura que era tida como derrotada, diante do paredão que iria enfrentar. PD e LD.  E a segunda, quando ao invés de optar por Dr. Ary Paiva ou Pedro Macário Neto, preferiu o radialista Ozildo Alves, como companheiro de PD. Tenho dito. 


Busca



Enquete

Você é a favor ou contra a privatização da CHESF?



Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados