Esporte

Paulo Afonso - Bahia - 19/02/2016

Com primeiro tempo arrasador, Bahia vence Juazeirense por 3 a 1 pelo Nordestão

Correio da Bahia
Foto: Arisson Marinho/CORREIO)
Tricolor se impôs e conquistou mais três pontos
Tricolor se impôs e conquistou mais três pontos

O Bahia venceu a Juazeirense por 3 a 1 na noite desta quinta-feira (18) na Fonte Nova, pela segunda rodada do Nordestão Edigar Junio, Hernane e Luisinho marcaram os gols do Esquadrão. Ebinho descontou para a Juazeirense. Com o resultado, o Bahia vai a 6 pontos e segue na liderança do grupo C. Na próxima rodada, o tricolor recebe o Confiança, na quinta (25), na Fonte Nova. Antes, neste domingo (21), o Bahia vai a Ilhéus enfrentar o Colo Colo pelo Baianão. Já a Juazeirense visita o Santa Cruz na quarta pelo Nordestão.

O jogo começou com 22 minutos de atraso por conta de uma confusão. O trio de arbitragem foi a campo de amarelo, mesma cor da camisa da Juazeirense. Juiz e bandeirinhas precisaram voltar para o vestiário e mudar de roupa. Com o começo do jogo, o Bahia mostrava mais domínio da partida. Depois dos 20 minutos, as chances começaram a aparecer.

Aos 25, o Bahia tocou a bola e ela acabou com Luisinho, que avançou até a pequena área e chutou forte. O goleiro Tigre conseguiu espalmar e a zaga afastou. No minuto seguinte, o gol. Pela direita, o Bahia trocou passes e Luisinho tocou para Tinga chutar rasteiro para a área. Edigar Junio completou para as redes e fez 1 a 0.

O tricolor continuou pressionando e não demorou a dobrar o placar. Aos 34, o Bahia saiu rapidamente para o ataque. Juninho recebeu de Lomba, aproveitou falha da zaga e passou. Luisinho tocou para Hernane, que mandou com qualidade para fazer o segundo.  

Aos 39, o zagueiro Eder sentiu e precisou ser trocado por Robson. O atleta tricolor saiu de campo carregado. Logo depois, Luisinho foi derrubado na área e o árbitro sinalizou pênalti. Ele mesmo foi para a cobrança e marcou o terceiro - seu primeiro gol pelo Bahia.

No segundo tempo, a Juazeirense fez duas modificações para tentar mudar a história do jogo. Elvis e Sassá entraram nos lugares de Wanderson e Nino Guerreiro. O Bahia também teve fazer uma mudança. Com 8 minutos, Hernane saiu com dores no ombro, dando espaço a Zé Roberto.

E aos 17 minutos o time visitante diminuiu. Pela direita, Elvis tentou mandar cruzar, a bola desviou em Feijão e sobrou para Ebinho chutar e marcar para a Juazeirense. O jogo diminuiu de intensidade. O Bahia voltou a ter uma boa chance aos 41, quando Tinga tocou para Juninho, que cruzou para Gustavo cabecear com perigo. Ao final da partida o técnico do juazeirense foi demitido. 


Últimas

1 até 20 de 367   Próximo »   Último »
Busca



Enquete

Como você avalia a qualidade do transporte público em Paulo Afonso?






Votar Resultado
Adiquirindo resultado parcial. Por favor aguarde...


Todos os direitos reservados